Publicado em 02/08/2022 às 11h40.

ACM Neto lamenta assassinato de adolescente: ‘Debaixo dos olhos das autoridades’

Ex-prefeito de Salvador afirma que não há segurança na Bahia nem ao lado do Quartel do Comando-Geral da Polícia Militar

Redação
Foto: Ascom-ACM Neto
Foto: Ascom-ACM Neto

 

O pré-candidato ao Governo da Bahia, ACM Neto (União Brasil), lamentou nesta terça-feira (2) o assassinato de uma menina de 15 anos no bairro do Campo Grande, em Salvador, numa tentativa de assalto. Segundo o ex-prefeito de Salvador, os casos de violência vêm se acumulando no estado sem qualquer providência do governo do PT.

“Queria, antes de tudo, prestar a minha inteira solidariedade a essa família e dizer da minha tristeza de ver uma criança morrendo. Eu sou pai, tenho uma filha de 15 anos também e fico imaginando a dor e o sofrimento que essa família está passando agora. Não há mais nada nessa vida que possa reparar a perda que essa família teve hoje”, lamentou em entrevista à Rádio Sociedade.

A garota foi morta após ser baleada durante uma tentativa de assalto, em frente ao Palácio da Aclamação, quando ia para a escola, ao lado da mãe e da irmã de 12 anos. “Essa menina morreu pertinho do Quartel dos Aflitos, ou seja, ao lado da sede do Comando-Geral da Polícia Militar da Bahia, debaixo dos olhos das autoridades de segurança pública. Quer dizer, nem ao lado do Quartel dos Aflitos nós temos mais uma área segura em Salvador”, lamentou ACM Neto.

“O governador Rui Costa (PT) não pode simplesmente acompanhar à distância o que está acontecendo. Ele tem que se envolver diretamente. O comandante-geral da Polícia Militar, o delegado-chefe da Polícia Civil e o secretário de segurança pública respondem diretamente ao governador.[…] Então o governador tem que se envolver nas providência e tomar essa responsabilidade. É papel dele também articular, por exemplo, com o Ministério Público, com a Defensoria Pública, com a Ordem dos Advogados, com o Poder Judiciário e mostrar que não adianta a polícia de um lado prender e a justiça do outro lado soltar”, completou.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.