Publicado em 25/09/2022 às 11h30.

‘Acm Neto, o pardo, é um desrespeito à luta racial’, afirma Carballal

'É uma postura muito triste, ainda teve aquele papelão sobre o IBGE na entrevista', criticou o vereador

Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

O vereador de Salvador, Henrique Carballal (PDT), voltou a criticar a autodeclaração do candidato Acm Neto (União Brasil) como pardo para a disputa do pleito eleitoral. O parlamentar afirmou, neste domingo (25), que a declaração racial do ex-prefeito de Salvador é um “desrespeito à luta racial”.

“Acm Neto, o pardo, é um desrespeito à luta racial, desrespeito com todos que lutam por uma sociedade com justiça e igualdade racial. Ele diz que sempre se declarou pardo, mas o sempre dele é só de 2016 para frente. É uma postura muito triste, ainda teve aquele papelão sobre o IBGE na entrevista”, afirmou Carballal.

O vereador lembrou ainda que o ex-prefeito de Salvador primeiro realizou o registro como “branco” e depois realizou a troca para “pardo” na disputa eleitoral deste ano. Além de Acm Neto, a candidata a vice-prefeita Ana Coelho (Republicanos) também havia se declarado como “parda”, mas corrigiu a declaração após repercussão negativa.

“O desserviço que eles prestaram à luta por igualdade e justiça racial com esse artifício deles mostra bem a importância que dão para o tema. O lado de lá enxerga a pauta racial como oportunidade para brincar e enganar, não tem o mínimo compromisso. É como tem gente dizendo por aí: ‘Tum, tum, o cara agora é pardo’. Para eles, nada importa, isto ficou bem claro”, complementou o edil.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.