Publicado em 06/07/2021 às 09h28.

Lula promete revogar teto de gastos e reforma trabalhista: Muita coisa será revisada

Petista prometeu que se for eleito, vai buscar maioria no Congresso para fazer as reformas necessárias

Redação
Foto: Reprodução Youtube / Rádio Salvador FM
Foto: Reprodução Youtube / Rádio Salvador FM

 

Em entrevista para a Rádio Salvador nesta terça-feira, o ex-presidente Lula (PT) indicou que se eleito, vai revogar a lei de teto de gastos criada durante o governo de Michel Temer (MDB).

“Quando você tem um governo sério, que tem projeto para o Brasil, que tem compromissos e um plano estratégico, você não precisa fazer um lei de teto de gastos. É uma questão de responsabilidade. Não pode ter um teto de gasto pra ter o povo passando fome para atender aos credores do sistema financeiro. Governei oito anos com muita responsabilidade. Saímos de devedores para credores do FMI. Eu não terei teto de gastos.”, disse o petista.

Lula também mostrou intenção de fazer alterações na reforma trabalhista, também realizada durante a gestão do emedebista. Para ele, as mudanças trouxeram prejuízos para a classe trabalhadora.

“Anunciaram que bastava tirar a Dilma para as coisas melhorarem, mas tudo piorou. Destruíram todas as conquistas trabalhistas, destruíram a previdência. Lembro que quando fizeram a reforma da CLT, o Temer dizia que iria gerar 10 milhões de empregos e depois não dizia que tipo de emprego iria criar. Os trabalhadores foram abandonados em nome de favorecer um empresariado que eles nem conhecem. Vamos construir maioria dentro do Congresso para fazer as reformas necessárias. Muita coisa será revisada”, garantiu.

Mais notícias

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.