Publicado em 28/02/2022 às 20h21. Atualizado em 28/02/2022 às 20h46.

Wagner anuncia que não será candidato a governador da Bahia

"A retirada da minha candidatura não implica na retirada da candidatura do PT", ressalvou o senador petista nesta segunda-feira (28)

Rodrigo Daniel Silva
Foto: Izis Moacyr/ bahia.ba
Foto: Izis Moacyr/ bahia.ba

 

O senador Jaques Wagner (PT) reafirmou, nesta segunda-feira (28), que não será candidato a governador da Bahia nas eleições deste ano, durante encontro com lideranças do PT em seu escritório na Avenida Paralela, em Salvador.

Ao bahia.ba, presentes na reunião relataram que o “clima ficou péssimo” após Wagner reiterar que não será postulante ao Palácio de Ondina. Os petistas deixaram o encontro, no entanto, dizendo que o partido terá candidatura própria ao governo da Bahia.

Em nota enviada à imprensa, o próprio Wagner confirmou que não vai disputar as eleições.  “A retirada da minha candidatura não implica na retirada da candidatura do PT. Quem decidirá se terá candidatura ou não, não sou eu, será o partido”, ressalvou o senador petista.

Presidente do PT na Bahia, Éden Valadares lamentou a decisão do senador.  “É claro que respeitamos a decisão do companheiro Wagner, mas não a recebemos com alegria. Nossas instâncias se reunirão intensamente nos próximos dias para atualizar nossa posição”, disse ele.  “Nossa decisão será fruto do debate interno, mas também do imprescindível diálogo com os demais partidos e lideranças da base, como Otto, Leão, Lídice e PCdoB”, acrescentou.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.