Publicado em 27/07/2020 às 21h53.

Cresce procura por procedimentos estéticos em meio à pandemia

"Poderíamos atender seis dias por semana se quiséssemos, após liberação do prefeito. É incrível", diz a biomédica Sharmilie Tavares.

Redação
Foto: arquivo pessoal
Foto: arquivo pessoal

 

Várias clínicas de estética em todo o mundo estão relatando um aumento de pessoas recebendo tratamento durante o surto de coronavírus, visto que elas podem escondê-lo atrás de uma máscara ou trabalho em casa.

Apesar de o vírus ter causado o fechamento de negócios em todo o globo, várias clínicas de estética se mantiveram abertas, adotando medidas mais rigorosas como testes de Covid-19 e limpeza mais frequente.

Clínicas nos EUA, Japão, Coreia do Sul, Brasil e Austrália, todas, viram aumento de pacientes vindo para se submeterem a tratamento incluindo preenchimento labial, botox, lift facial e plástica no nariz.

“Eu decidi passar pelos procedimentos durante a quarentena porque pude me recuperar no meu próprio ritmo”, disse uma paciente, que fez preenchimento labial.

“A última vez que a mesma passou pelo procedimento feito antes da quarentena ela teve que sair para trabalhar e seus lábios estavam extremamente inchados”, relata a biomédica Sharmilie Tavares (foto).

Sediada em Salvador, ela diz que está vendo muito mais pacientes. “Mesmo mais do que eu diria ser normal. Provavelmente poderíamos atender seis dias por semana se quiséssemos, após liberação do prefeito. É incrível”, diz Sharmilie.

Segundo a biomédica, pessoas normalmente teriam que levar em conta a recuperação em casa quando considerassem algum efeito facial, mas agora que grande parte delas trabalham home office, isso não precisa mais ser considerado.