Publicado em 11/07/2018 às 08h58.

Resgate dos meninos na Tailândia vai virar filme de produtora cristã

A Pure Flix pretende desembolsar entre US$ 30 e US$ 60 milhões para contar sua versão da história nos cinemas

Redação
Foto: Reprodução/Twitter
Foto: Reprodução/Twitter

 

O incrível resgate dos garotos e do treinador do time de futebol juvenil na Tailândia, presos por 18 dias nas cavernas de Tham Luang, vai virar filme. A produtora cristã Pure Flix irá contar a sua versão da história nos cinemas em um longa que deve custar entre US$ 30 milhões e U$S 60 milhões.

“A bravura e o heroísmo que testemunhei foram incrivelmente inspiradores”, contou o diretor geral e cofundador da Pure Flix, Michael Scott, no local do resgate – ele mora na Tailândia parte do ano.

Scott, contudo, não confirmou um possível viés religioso no filme. Segundo o UOL, o seu objetivo é “fazer um filme que inspire as pessoas”. “Não é necessariamente para fazer um filme cristão sobre isso”.

Para o diretor, a produção é uma forma de “honrar a vida dos envolvidos”, inclusive o mergulhador morto na tentativa de retornar à saída da caverna, após levar suprimentos para as garotos presos.

Mais notícias