Publicado em 08/07/2019 às 12h40.

Ginasta Luís Porto conquista quinta medalha brasileira na Itália

Brasil conquistou outras três medalhas de bronze no judô, com Gustavo Assis, Sibilla Mariana e Willian Lima

Agência Brasil
Foto: Raul Vasconcelos/ rededoesporte.gov.b
Foto: Raul Vasconcelos/ rededoesporte.gov.b

 

Vinícius Lisboa

 

O Brasil conquistou no domingo (7) a quinta medalha na Universíade de Nápoles, na Itália. O bronze no pódio foi do ginasta Luís Guilherme Porto, no salto sobre a mesa, prova em que o atleta pega velocidade, salta apoiando as duas mãos sobre uma mesa e realiza um salto com acrobacias.

Luís fez a mesma pontuação que o bielorruso Yahor Sharamkou, mas perdeu a prata pelo critério de desempate. O ouro ficou com o sul-coreano Kim Hansol.
O Brasil conquistou outras três medalhas de bronze no judô, com Gustavo Assis, Sibilla Mariana e Willian Lima.

Outra modalidade em que o país subiu ao pódio foi a natação, com a prata de Luíz Gustavo Borges, Gabriel Ogawa, Felipe de Souza e Marco Antônio Junior, no revezamento 4×100.

Sede da próxima olimpíada, em 2020, o Japão está em primeiro lugar no quadro de medalhas da Universíade, com 19 ouros, 11 pratas e 10 bronzes. A China está em segundo lugar, com 14 ouros, cinco pratas e nenhum bronze. Os americanos estão na terceira posição, com 11 ouros, cinco pratas e sete bronzes. Com as medalhas conquistadas até agora, o Brasil está no 24ª lugar, e é o país sul-americano mais bem colocado no quadro geral.

PUBLICIDADE