Publicado em 14/04/2018 às 13h16.

Morre torcedor da Bamor baleado na sede da torcida antes de BAVI

O crime aconteceu no último domingo no bairro do Tororó; testemunhas afirmam que os suspeitos chegaram à sede em um Hyundai HB20 de cor branca e efetuaram os disparos

Redação
Foto: Marcelo Malaquias/EC Bahia
Foto: Marcelo Malaquias/EC Bahia

 

Será enterrado às 16h deste sábado (14), em cemitério ainda não divulgado, o corpo de Antonio Marcos Sadela, de 49 anos, integrante da torcida organizada do Bahia, Bamor, atingido no último domingo (8) em um atentado à sede da entidade, no bairro do Tororó.

Antonio e Daniel Sena Duarte, 20, foram baleados e socorridos para a emergência do Hospital Geral do Estado. Hugo dos Santos, 25, também foi ferido na mão, levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) dos Barris e liberado no mesmo dia.

A vítima estava na Bamor há 26 anos e cuidava das faixas e bandeiras da organizada.

Segundo testemunhas do crime, os suspeitos chegaram à sede em um Hyundai HB20 de cor branca e efetuaram os disparos, justamente no dia do clássico BAVI da final do Baianão, do qual a organizada não participaria por estar suspensa dos estádios. Além disso, o jogo foi disputado com torcida única.

Temas: atentado , bamor , bavi , morte , torcedor

Mais notícias