Publicado em 17/01/2019 às 21h00.

Psicólogo é preso acusado de abusar sexualmente de pacientes

De acordo com a polícia, especialista alegava que a prática sexual fazia parte do tratamento psicológico; pelo menos três mulheres entre 19 e 20 anos foram vítimas

Redação

 

Foto: Divulgação/Assessoria
Foto: Divulgação/Assessoria

 

Investigadores da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Teixeira de Freitas prenderam nessa quarta-feira (16) o psicólogo George Hilton Brito Pereira, de 49 anos, após denúncia de abuso sexual a três de seus pacientes.

De acordo com informações da polícia, os crimes ocorreram no consultório onde ele atuava, na cidade de Alcobaça. George também é pastor da Igreja Batista Shalom Missionaria, fundada por ele em 2002.

A investigação policial aponta que o psicólogo justificava que a prática sexual era parte do tratamento dado a seus paciente. Ele é acusado de violentar pelo menos três mulheres, com idades entre 19 e 20 anos.

A delegada Viviane Scofield Amaral, titular da Deam/Teixeira, solicitou à Justiça um mandado de prisão para Hilton, com base nas denúncias. Com a ordem de prisão em mãos, policiais da unidade especializada cumpriram o mandado.

Segundo informações do site Correio*, o agressor encontra-se custodiado, à disposição da Justiça.