Publicado em 20/04/2017 às 12h59.

Sem acordo, rodoviários mantêm esquema de paralisações

Apenas 30% da frota da empresa Cidade Verde circula na cidade das 5h às 7h, das 11h às 13h e das 17h às 19h

Redação
Foto: Reprodução/ blog Rodrigo Ferraz
Foto: Reprodução/ blog Rodrigo Ferraz

 

Os trabalhadores da empresa Cidade Verde, do transporte público de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, mantêm nesta quinta-feira (20) o esquema de paralisações no serviço devido à falta de entendimento com os empresários do setor em relação à campanha salarial.

Segundo o blog Rodrigo Ferraz, os rodoviários realizam a redução da frota em 70% sempre das 5h às 7h, das 11h às 13h e das 17h às 19h para pressionar que a direção da companhia chegue a um acordo com a categoria.

Já os motoristas e cobradores da Viação Vitória optaram por manter as atividades normalmente até a próxima semana, prazo solicitado pela empresa ao sindicato para o envio de uma nova proposta. Os funcionários não aceitaram o reajuste de 5% proposto nesta quarta-feira (19) pela organização e também ameaçam iniciar um protesto.

Campanha salarial – Os trabalhadores exigem o reajuste de 16% nos vencimentos, o aumento no valor do auxílio alimentação para R$ 450, além da oferta de assistência médica com 80% da mensalidade custeada pelas empresas.

PUBLICIDADE