Publicado em 22/01/2019 às 11h00.

ACM Neto acionará Embasa por crime ambiental na orla da Barra

Prefeito diz que solicitou à Secretaria de Manutenção da Cidade (Seman) relatório técnico sobre esgoto despejado em faixa de areia entre o Farol e o Cristo

Alexandre Santos

 

Foto: assessoria/prefeitura de Salvador
Foto: assessoria/prefeitura de Salvador

 

O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), solicitou à Secretaria de Manutenção da Cidade (Seman) um relatório técnico sobre o esgoto que vem sendo despejado em parte da faixa de areia da orla da Barra.

Segundo o chefe do Executivo municipal, o documento será encaminhado à Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) para que sejam adotadas as medidas cabíveis contra a Embasa, a quem, ele afirma, cabe solucionar a questão.

“Acabei de determinar à Secretaria de Manutenção que faça um relatório técnico detalhado sobre o esgoto que está sendo despejado em uma pequena faixa de areia na praia da Barra, entre o Farol e o Cristo. Esse relatório técnico será encaminhado à Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo para que sejam adotadas as medidas cabíveis contra a Embasa, a quem cabe solucionar a questão”, informou Neto na manhã desta terça-feira (22), por meio de seu Twitter.

Na publicação, o chefe do Palácio Thomé de Souza afirma que, em razão de episódios semelhantes, a Embasa já foi multada em ao menos três ocasiões.

“Recentemente, já tivemos que multar a Embasa em três ocasiões por conta de crimes ambientais desse tipo contra nossa cidade. Isso é inaceitável!. Dizer que esse material que está sendo jogado na faixa de areia, de cor preta, é fruto da rede pluvial, sendo que nem choveu ontem na cidade, é no mínimo um contrassenso”, escreveu Neto.

 

Temas: Barra , Embasa , esgoto , neto