Publicado em 31/03/2017 às 09h24.

Busca por vacina contra febre amarela esbarra na falta de informação

Das 26 localidades que fornecem a imunização, o bahia.ba obteve êxito de comunicação apenas com dois postos

Fernanda Lima
Foto: Reprodução/ACidadeOn
Foto: Reprodução/ACidadeOn

 

As unidades de saúde que fornecem vacinação contra a febre amarela registram intensa movimentação desde que a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) confirmou, na última quinta-feira (30), 23 mortes de macacos com a patologia no território baiano. Quem pretende ser imunizado, contudo, enfrenta dificuldade em contatar os centros e se informar a respeito do processo.

Das 26 localidades que fornecem a vacinação, o bahia.ba obteve êxito de comunicação apenas com dois postos: Candeal Pequeno e Cajazeira 5. O centro de saúde de Manoel Vitorino, em Brotas, e o Shoping Center Vila Laura, locais vizinhos à região em que um dos animais infectados foi encontrado sem vida, por exemplo, não responderam às chamadas.

O insucesso no diálogo com os centros, contudo, não deve ser tomado como empecilho para garantir a proteção contra a enfermidade, conforme defendeu a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) à reportagem. “A vacinação ocorre das 8h às 17h – horário que, a depender do movimento é estendido – em todos os locais divulgados. E não precisa ter medo de faltar vacina, porque não vai”, declarou a pasta por meio da assessoria.

A SMS informou ainda que, caso haja interesse em saber qual é o centro de saúde mais próximo que dispõe do medicamento, basta ligar para o número 156, da Prefeitura de Salvador.

Movimentação – O fluxo de pessoas, diferente do que se imagina, não é constante somente nas proximidades das áreas onde ocorreram os óbitos – Vila Laura, Paripe e Itaigara –, mas em áreas dispersas de Salvador. A faixa etária das pessoas que procuram imunização varia, de acordo com a pesquisa realizada, entre 13 e 45 anos.

Confira os postos:

– UFS Candeal Pequeno
– UFS Santa Luzia
– UFS Vale do Matatu
– CS Manoel Vitorino
– CD Cardeal da Silva (Cosme de Farias)
– Igreja Católica da Vila Laura
– Shoping Center Vila Laura
– Multicentro Carlos Gomes –Rua Carlos Gomes, 63/66, Centro.
– Centro de Saúde Virgílio de Carvalho – Rua Duarte da Costa, s/n, Dendezeiros.
– Centro de Saúde Péricles de Laranjeira- Rua Pitangueiras, s/n, Fazenda Grande do Retiro
– Multicentro Liberdade- Rua Lima e Silva, nº 217, Liberdade (antigo 3º Centro de Saúde).
– USF Olga de Alaketu– Rua Edson Saldanha, s/n- Baixa do Tubo-Matatu.
– MulticentroAmaralina–Av. Visconde de Itaboray, nº 1193, Amaralina.
– Unidade de Saúde da Família Clementino Fraga – Av. Centenário, s/n, Centenário.
– Unidade de Saúde da Família Parque de Pituaçu – Rua Araújo Bastos, nº100, Pituaçu.
– Unidade de Saúde da FamíliaMussurunga I – Rua 1, Setor E, Caminho 16, s/n, Mussurunga I.
– Centro de Saúde Eunísio Teixeira- Rua Jurucutus, s/n, Saboeiro.
– Centro de Saúde EdsonBarbosa – Avenida Hilda, nº 02, Pernambués.
– Centro de Saúde Canabrava- Rua Bentivis, s/n, final de linha de Canabrava.
– Centro de Saúde Castelo Branco- Rua A, 3º etapa- Centro Social Urbano de Castelo Branco.
– Unidade de Saúde da Família Estrada da Cocisa – Rua Monte Claros, s/n, Paripe (final de linha da Cocisa).
– Unidade de Saúde da Família Alto da Terezinha- Rua Direta da Terezinha, s/n.
– Unidade de Saúde da Família Ilha Amarela- Rua Nova Esperança, Ilha Amarela.
– Unidade de Saúde da Família Alto de Coutos II- Rua Golan, s/n, Parque Setúbal, Alto de Coutos.
– Unidade de Saúde da Família Vista Alegre-Rua do Sabiá, s/n, Vista Alegre.
– Unidade de Saúde da Família Cajazeiras V – Estrada do Matadouro, Rótula de Cajazeiras, s/n.