Publicado em 12/07/2018 às 19h40.

Safadão consegue antecipar audiência sobre pensão do filho

Mileide Mihaile, ex-mulher, reclama de uma tabela de custos estipulada pelo cantor de como deve ser gasto os cerca de R$ 9 mil de pensão

Redação
Wesley Safadão (Divulgação)
Wesley Safadão (Divulgação)

 

No olho do furacão, Wesley Safadão agiu rápido e conseguiu antecipar na Justiça a audiência para a revisão da pensão do filho Yudhy, de 7 anos.

Marcada para acontecer em 28 de agosto, a audiência de conciliação com o artista e a ex-mulher, Mileide Mihaile, foi remarcada para o próximo dia 27 de julho, no Fórum de Fortaleza. As informações são do colunista Leo Dias, do jornal O Dia.

Segundo a publicação o responsável por julgar o caso será o juíz José Mauro Lima Feitosa. O colunista afirma que o magistrado é conhecido por não se comover com chorores nem ser levado pela opinião pública.

Ainda de acordo com a publicação, o artista pediu justiça gratuita, ou seja, ganhando ou perdendo, ele não irá arcar as custas do processo.

Toda polêmica com a pensão do pequeno Yudhy, fruto do seu primeiro casamento com Mileide Mihaile, veio a tona quando o artista, que chega a ganhar quase meio milhão por show, estipulou como deveriam ser gastos os cerca de R$ 9 mil de pensão em uma tabela com uma divisão para alimentação, lazer, educação e IPTU.