Publicado em 07/07/2018 às 20h00.

Ministério Público da Bahia é o mais transparente do País, aponta CNMP

A entidade pulou da 22ª colocação do ranking para a 1ª em apenas dois anos, com atendimento de 100% de todos os itens avaliados

Redação
O esquema englobava ainda a indicação de empresas de consultoria ambiental pertencentes a empresários. (Foto: Reprodução/MPBa)
Foto: Reprodução/MP-BA

 

O Ministério Público do Estado da Bahia é o mais transparente do País, segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

Em segunda e terceira colocação do ranking do ‘Transparentômetro’ estão os MPs do Maranhão e Pernambuco, respectivamente.

A pesquisa, realizada pela Comissão de Controle Administrativo e Financeiro, avalia os Portais Transparência de 26 unidades do Ministério Público dos Estados e dos quatro ramos do Ministério Público da União.

Em apenas dois anos, a instituição pulou da 22ª para a 1ª colocação no ranking, com atendimento de 100% de todos itens avaliados no primeiro quadrimestre de 2018.

São avaliados pelo CNMP itens como licitações, contratos e convênios, execução orçamentária e financeira, gestão de pessoas, serviço de informações ao cidadão, planejamento estratégico, recomendações, termos de ajustamento de conduta e audiências públicas.

O ranking monitora os portais transparência das unidades do Ministério Público dos estados, além do próprio CNMP e dos quatro ramos do Ministério Público da União. Cerca de 300 itens são avaliados.

Segundo a procuradora-geral de Justiça Ediene Lousado, o resultado obtido revela o compromisso do Ministério Público do Estado da Bahia com a transparência das informações sobre a sua atuação.

“Desde o início da nossa gestão temos trabalhado para atender integralmente cada item exigido pelo CNMP na  avaliação do Transparentômetro. Este resultado é uma demonstração de toda nossa dedicação e do nosso compromisso com a transparência”, disse.