Publicado em 05/11/2018 às 18h00.

Prefeitura de Correntina decreta situação de emergência após chuvas

Chuvas deixaram moradores sem água potável e rede de telefone, conforme a administração municipal

Juliana Almirante
Foto: Instagram/ Prefeitura de Correntina
Foto: Instagram/ Prefeitura de Correntina

 

 

A prefeitura de Correntina, oeste da Bahia, publicou, no Diário Oficial desta segunda-feira (5), um decreto de situação de emergência, após as fortes chuvas que atingiram o município nos últimos dias. Com a medida, fica dispensada a realização de licitação em contratos para aquisição de bens necessários às medidas de resposta ao desastre.

A administração municipal considerou efeitos da chuva como destruição de estradas, pontes e bueiros, alagamentos e obstrução de rodovias devido a deslizamentos, invasão de águas das enchentes e inundações nas casas dos moradores, ruas, praças e empreendimentos comerciais.

A prefeitura ainda informa que houve diminuição agravante de hortaliças, deixando famílias de pequenos agricultores em situação de alerta e em endividamento no comércio fornecedor de insumos. A cidade também é atingida com a falta de água potável e falta de rede de telefone.

O decreto também autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais, a convocação de voluntários, além da possibilidade de iniciar processos de desapropriação, por utilidade pública, de propriedades particulares comprovadamente localizadas em áreas de risco intensificado de desastre.