Publicado em 15/04/2019 às 11h11.

Governo concede passaporte diplomático a Edir Macedo

Documento, que identifica representantes diplomáticos de um país, será entregue ao líder da Igreja Universal do Reino de Deus e à sua esposa

Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Proprietário da RecordTV e líder da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), o bispo Edir Macedo receberá passaporte diplomático do governo brasileiro. O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, concedeu o documento ao religioso e também à sua esposa, Ester Eunice Rangel Bezerra.

O passaporte é usado para identificar os representantes de um país, para que o governo de determinado local reconheça os viajantes que estão em missão diplomática. Válido por três anos, o documento dá direito a uma fila de embarque/desembarque separada dos demais e tratamento diferenciado em nações que tem relação com o Brasil. Em muitos casos, dispensa a exigência do visto.

Segundo informações do Estadão, a decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DUO) e inclui a liberação do passaporte para Edir e para a sua esposa. De acordo com texto da publicação, os documentos serão concedidos por entender que, desta maneira, seu titular poderá desempenhar de maneira mais eficiente suas atividades em prol das comunidades brasileiras no exterior”.