Publicado em 19/11/2015 às 15h56.

Após confusão, agricultores se reúnem com Josias Gomes

Após a reunião ficou acertado que os trabalhadores terão audiência com o governador no dia 9 de dezembro

Julio Reis

Os agricultores baianos que ocupavam a entrada da governadoria do Estado à espera de serem atendidos pelo governador Rui Costa, tentaram invadir o prédio, ultrapassando barreiras de segurança colocadas pela Polícia Militar no local. Houve confusão e pequeno conflito com os PMs, que chegaram a utilizar spray de pimenta para afastar o grupo.

Ânimos um pouco mais acalmados, a segurança negociou com os trabalhadores presentes a entrada de uma comissão de cinco trabalhadores a ser recebida pelo secretário de Relações Institucionais do Estado, Josias Gomes, e com o secretário da Casa Civil, Carlos Melo, na tarde desta quinta-feira (19).

Spray de pimenta foi utilizado para conter os agricultores (Foto: Júlio Reis)
Spray de pimenta foi utilizado para conter os agricultores (Foto: Júlio Reis)

Em frente à governadoria desde a manhã de hoje, os cerca de 600 agricultores familiares baianos buscavam uma audiência com Rui Costa. O governador, no entanto, viajou na manhã desta quinta-feira, em agenda de última hora em Brasília. Segundo os agricultores, a tentativa de encontro com o governador vinha sendo feita há 45 dias.

Eles reivindicam uma pauta com itens como assistência técnica, apoio a escolas de família agrícola e suporte para aquisição de tecnologias de armazenamento de água para produção agrícola no semiárido, entre outros.

Os trabalhadores vieram de diversas cidades como: Paulo Afonso, Juazeiro, Ibotirama, Itabuna e Vitória da Conquista.