Publicado em 17/12/2015 às 12h10.

Deputados baianos conseguem redução de corte em ferrovia

Para 2016, a FIOL receberá R$ 430 milhões: R$ 213,9 milhões para o trecho Caetité-Ilhéus e R$ 216 milhões

Redação
(Foto: Divulgação/Constran)
(Foto: Divulgação/Constran)

Os deputados federais José Rocha (PR) e Jorge Solla (PT) apresentaram uma emenda de redução de cortes no repasse à obra da Ferrovia Integração Oeste-Leste (FIOL) em R$ 40 milhões. O reparo foi contemplado no relatório final da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016, da União, durante a Comissão Mista de Orçamento (CMO), na noite desta quarta-feira (16), na Câmara dos Deputados.

A quantia aumenta em 10% os valores destinados pelo relator para a obra. “É uma obra importante para o desenvolvimento da economia da Bahia, que assim como todo o PAC recebeu cortes para o ano que vem, mas que conseguimos reverter em grande medida para evitar que os atrasos não prejudiquem o nosso estado”, disse Solla. Para 2016, a FIOL receberá R$ 430 milhões: R$ 213,9 milhões para o trecho Caetité-Ilhéus e R$ 216 milhões.