Publicado em 12/08/2022 às 09h23.

Bahia registra pelo menos dois roubos por dia contra motoristas por app

Levantamento indica que 90% dos casos acontecem durante as corridas, por suspeitos disfarçados de passageiros

Redação
Foto: Rayllanna Lima/ bahia.ba
Foto: Rayllanna Lima/ bahia.ba

 

Um levantamento realizado pelo Sindicato dos Motoristas por Aplicativo da Bahia (SIMACTTER) apontou que, entre janeiro e agosto de 2022, a Bahia registrou uma média de 2,8 ocorrências diárias de furtos e/ou roubos contra motoristas por aplicativos.

Ainda de acordo com os dados, quase 600 profissionais foram vítimas da violência no período. O levantamento apontou, ainda, que 90% dos casos acontecem durante as corridas, por suspeitos disfarçados de passageiros.

Com o latrocínio de Ednoel Santos Moura, em Simões Filho, na RMS, na última quarta-feira (10), o número de mortes durante o serviço da categoria subiu para seis em 2022.

Ao todo, cinco cidades registraram Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI) em 2022. São elas: Salvador (1) Simões Filho (1) Itapetinga (1) Feira de Santana (2) e Ilhéus (1).

Se comparado com o mesmo período do ano passado, foram 551 casos de furtos/roubos, uma média de 2,6 de notificações por dia. Quanto aos latrocínios, em 2021, foram dois casos, em Salvador.

 

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.