Publicado em 23/12/2015 às 12h20.

MEC proíbe vestibular em sete cursos da Bahia; seis na capital

Entre as graduações estão Educação Física, Música e Letras com língua portuguesa, na UCSal, e Ciências Biológicas, da Ufba

Redação
Ciências Biológicas da Ufba é um dos afetados | Foto: Reprodução/ Panoramio
Ciências Biológicas da Ufba é um dos afetados | Foto: Reprodução/ Panoramio

 

O Ministério da Educação proibiu a realização de vestibular em sete cursos de cinco instituições de ensino superior na Bahia, seis deles na capital. De acordo com a lista divulgada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (23), as graduações atingidas são: Educação Física, Música e Letras com língua portuguesa, na Universidade Católica do Salvador (UCSal); Ciências Biológicas, da Federal da Bahia (Ufba); Engenharia Elétrica, da FTC; Música, da Faculdade Evangélica de Salvador; e Sistemas de Informação das Faculdades Integradas do Extremo Sul, em Eunápolis.

De acordo com o MEC, os cursos estão impedidos de abrir novas vagas porque obtiveram notas 1 e 2 no Conceito Preliminar de Curso (CPC), entre 2011 e 2014, em uma escala que vai de 0 a 5. No período, apenas Letras da Ucsal e Sistemas de Informação das Faculdades Integradas do Extremo Sul conseguiram uma discreta melhora na nota, insuficiente para evitar a medida.

O CPC é feito a cada três anos e avalia o desempenho de estudantes concluintes, corpo docente, infraestrutura, recursos pedagógicos e outras variáveis.