Publicado em 07/12/2015 às 07h52.

Repasse da União para Bahia reduz R$ 1,5 bilhão em um ano

O deputado petista Zé Neto, líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), tem uma lista com os números da crise

Redação

A crise afetou de forma consistente a economia da Bahia. De acordo com a coluna Tempo Presente, do jornal A Tarde, o deputado petista Zé Neto, líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), tem uma lista com os números da crise.

No período de um ano (2014 para 2015), os repasses da União para a Bahia caíram de R$ 1,7 bilhão para R$ 200 milhões. O crescimento do ICMS (Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação), no mesmo período, foi de 5,7%, quando a previsão era de 10%. A parcela do Fundo de Participação do Estado (FPE) foi de 6,3%, quando se esperava 8%.

PUBLICIDADE