Publicado em 14/07/2020 às 10h45.

Secult e Setre fazem cadastro de trabalhadores do campo cultural baiano

Objetivo é obter e criar banco de dados no trabalho no campo da Cultura

Redação
Foto: Jefferson Peixoto/SecomPMS
Foto: Jefferson Peixoto/SecomPMS

 

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult-BA) e a Secretaria de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) estao cadastrando trabalhadores do campo cultural atuantes nos 27 territórios de identidade baiano.

Um dos objetivos é aproximar as ações da secretaria do seu público alvo, tendo em vista a adoção das políticas públicas no campo cultural.

A ideia também consiste na criação de banco de dados a partir de formulário digital disponibilizado no site da Secult-BA, voltado para trabalhadores do segmento cultural.

A partir desse banco de dados ter um reflexo de quantos, onde e a área cultural que cada um desses agentes atua dentro da cadeia produtiva.

O corpo técnico do SineBahia dará suporte para o levantamento dos dados coletados e para os relatórios estatísticos a partir do banco de dados a ser criado a partir destes cadastros.