Publicado em 24/01/2020 às 21h00.

Apesar de denúncias de candidatos, MEC nega nova falha no Sisu

Abraham Weintraub publicou um vídeo nas redes sociais para falar sobre o assunto

Redação
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

 

Apesar de denúncias de candidatos e até ajuizamento da questão por parte do MPF (Ministério Público Federal), o ministro da Educação, Abraham Weintraub, negou nesta sexta-feira (24) que o Sisu (Sistema de Seleção Unificada) enfrente novas falhas.

Entre as reclamações dos estudantes consta que, no sistema, aparece que o candidato está apto nas suas duas opções de curso e, com isso, as notas de corte estariam sendo elevadas de modo exagerado.

Weintraub, contudo, diz que “não está tendo problema nenhum no sistema”. O ministro publicou um vídeo nas redes sociais para falar sobre o assunto. Segundo ele, parte da divulgação de possíveis erros estaria sendo feita de “forma maldosa”, para assustar as pessoas.

No vídeo, o ministro defende ser normal que o sistema relate a nota de corte das duas opções de curso. “Aumentou a disputa pela vaga, a nota vai sendo ajustada.” O MEC estreou neste ano um novo site do Sisu. No dia que as inscrições foram abertas, terça-feira (21), candidatos receberam mensagens de que o prazo já havia sido encerrado.

As inscrições seguem até domingo (26).

PUBLICIDADE