Publicado em 07/11/2019 às 19h40.

Em nota, Jovem Pan pede desculpas a Glenn Greenwald e a ouvintes

"A liberdade de expressão e crítica concedida pela Jovem Pan a seus comentaristas e convidados, contudo, não se estende a nenhum tipo de ofensas e agressões", diz a rádio

Redação
glenn augusto foto reproducao youtube
Foto: Reprodução / YouTube

 

Em nota divulgada, a Jovem Pan pediu desculpas aos seus ouvintes, espectadores e convidados, incluindo o jornalista Glenn Greenwald, agredido nesta quinta-feira (7) por Augusto Nunes, comentarista da rádio, durante o programa Pânico.

“Uma das principais marcas do Pânico é receber personalidades para o debate aberto e franco, bem-humorado e eventualmente ácido. Glenn Greenwald já participou da bancada em diversas outras oportunidades. A liberdade de expressão e crítica concedida pela Jovem Pan a seus comentaristas e convidados, contudo, não se estende a nenhum tipo de ofensas e agressões. A empresa repudia com veemência esses comportamentos”, diz a Jovem Pan.

PUBLICIDADE