Publicado em 15/01/2016 às 09h06.

Estado de saúde de gêmea siamesa é ‘gravíssimo’, diz boletim

Bebês foram separadas por cirurgia na última quarta-feira, em Goiás

Redação
Foto: Reprodução/TV Anhanguera
Foto: Reprodução/TV Anhanguera

 

A bebê Fernanda Neves, de cinco meses, uma das gêmeas siamesas de Itamaraju, no sul baiano, está em estado gravíssimo. Já sua irmã, Júlia Neves, segue com o quadro considerado grave. As duas estão internadas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica, do Hospital Materno Infantil (HMI), em Goiás, desde que passaram pela cirurgia de separação na última quarta-feira (13). Fernanda e Júlia respiram com a ajuda de aparelhos e ainda não há previsão de alta.

As meninas nasceram unidas pelo tórax e abdômen e compartilhavam o fígado e uma membrana do coração. Segundo os médicos, a operação ocorreu bem, sem nenhuma intercorrência, em tempo recorde.

 

PUBLICIDADE