Publicado em 16/11/2018 às 15h40.

Seleção para substituir cubanos ocorrerá ainda em novembro

Representantes do ministério da Saúde vão se reunir com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) nesta sexta-feira

Redação
Foto: Rafael Kage / Creative Commons
Foto: Rafael Kage / Creative Commons

 

O Ministério da Saúde anunciou em nota, nesta sexta-feira (16), que fará a primeira chamada do edital de substituição de 8.332 cubanos que atuam no programa Mais Médicos ainda neste mês. O comparecimento dos profissionais se dará imediatamente após a seleção, conforme a pasta.

O anúncio de retirada do programa brasileiro foi feito por Cuba após declarações do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Nesta sexta-feira, representantes do ministério da Saúde vão se reunir com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) para a definição da saída dos médicos cubanos e entrada dos profissionais brasileiros que serão selecionados por edital.

No início da próxima semana, a pasta dará uma coletiva de imprensa para esclarecer detalhes sobre o edital de seleção e chamada para inscrições.

PUBLICIDADE