Publicado em 24/09/2020 às 22h00.

Audi ameaça parar produção no Brasil se governo não ressarcir montadora

'É difícil convencer a matriz a investir novamente em um mercado que não tem compromisso', afirma executivo

Redação
Foto: divulgação Audi
Foto: divulgação Audi

 

A Audi ameaça parar produção da fábrica no Brasil, localizada em São José dos Pinhais (PR), se não receber um ressarcimento do governo federal pelos R$ 500 milhões investidos na reativação da planta. As informações são do G1.

Presidente da empresa no Brasil, Johannes Roscheck, argumenta que essa era a regra no regime automotivo brasileiro em 2015, quando a unidade foi inaugurada.

“Assinamos um compromisso de pagar para receber de volta. E, até agora, não temos uma decisão”, disse o executivo. “É difícil convencer a matriz a investir novamente em um mercado que não tem compromisso.”

Entre 2013 e 2017, o regime automotivo vigente era o InovarAuto. Em 2018, ainda no governo Michel Temer, o modelo foi substituído pelo Rota 2030.

A Audi reclama que parte do valor recolhido em impostos por ela e outras empresas não foi devolvido.Segundo Antonio Calcagnotto, diretor de relações institucionais da fabricante, o retorno esperado pelas 3 marcas alemãs que ergueram fábricas no país (BMW e Mercedes-Benz, além da própria Audi), é de R$ 289 milhões.