Publicado em 05/04/2016 às 06h20.

IPC-Fipe sobe 0,97% em março e supera expectativa

O resultado mensal apurado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) superou as previsões de dez instituições consultadas pelo AE Projeções

Agência Estado
Taxas de juros sobem (Foto Reprodução wikipedia)
Taxas de juros sobem (Foto Reprodução wikipedia)

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação da cidade de São Paulo, teve alta de 0,97% em março, acelerando-se tanto em relação à leitura de fevereiro (+0,89%) quanto comparado à da terceira quadrissemana do mês passado (+0,92%).

O resultado mensal apurado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) superou as previsões de dez instituições consultadas pelo AE Projeções, de aumento de 0,81% a 0,90%, e, consequentemente, ficou acima da mediana das estimativas, de 0,89%.

No primeiro trimestre, o índice da Fipe acumulou inflação de 3,26%. No período de 12 meses encerrado em março, a inflação ficou em 10,73%.

Em março, três grupos de produtos aceleraram ganhos na comparação com fevereiro. Em Alimentação, a elevação dos preços subiu de 1,02% em fevereiro para 1,87% no mês passado; em Despesas Pessoais, de +0,84% para +1,17%; e em Vestuário, de +0,36% para +1,47%.

No caso de Saúde, os custos aumentaram 0,71% em março, repetindo a variação do mês anterior.

Por outro lado, houve desaceleração nos preços de Habitação, de +0,91% em fevereiro para +0,50% em março, em Transportes, de +1,09% para +0,37%, e nos custos de Educação, de +0,39% para +0,15%.

Veja como ficaram os itens que compõem o IPC em março:

Habitação: 0,50%

Alimentação: 1,87%

Transportes: 0,37%

Despesas Pessoais: 1,17%

Saúde: 0,71%

Vestuário: 1,47%

Educação: 0,15%

Índice Geral: 0,97%

Temas: economia , IPC