Publicado em 07/11/2019 às 21h00.

Shoppings dobram vagas e oferecem 7,4 mil empregos temporários até dezembro

Otimistas com o sucesso da Black Friday, donos de lojas em shoppings projetam vender R$ 1,4 bilhão somente no último trimestre deste ano

Rayllanna Lima
Foto: Marcello Casal Jr./ Agência Brasil
Foto: Marcello Casal Jr./ Agência Brasil

 

Final de ano é período de festa, mas também de oportunidade de emprego para muitos baianos que aproveitam a oferta de vagas temporárias. Para este ano, o número de vagas mais que dobrou, passando de 3 mil em 2018 para 7,4 mil.

Em entrevista ao bahia.ba, o coordenador regional da Associação Brasileira de Shoppings Centers (Abrasce), Edson Piaggio, explicou que o otimismo dos donos de lojas é justificado pelo “grande sucesso” que tem se tornado a Black Friday.

“Ao invés de fazer especificamente nossa pesquisa com o Natal, incluímos a Black Friday. Por isso, especificamente sobre esse último trimestre do ano, incluindo a primeira semana de janeiro, nossa expectativa é de ampliar em 28% o número de vagas temporárias. Vamos criar mais 7,4 mil empregos. Estamos arriscando essa expectativa confiantes que a Black Friday hoje é a segunda data mais importante do varejo, ficando atrás apenas do Natal”, afirmou.

O otimismo é tão grande que a Abrasce espera vender R$ 1,4 bilhão ao longo desse último trimestre de 2019, levando em conta o Dia das Crianças, a Black Friday e o Natal. “Normalmente, vendemos em média R$ 400 milhões por mês”, disse Piaggio.

PUBLICIDADE

Mais notícias