Publicado em 18/08/2019 às 11h00.

XP é condenada a multa milionária por prejudicar clientes

Corretora teria lucrado cerca de R$ 117 milhões de reais entre 2016 e 2018 ao atuar como contraparte dos investidores

Redação
Foto: Reprodução/ EBC
Foto: Reprodução/ EBC

 

A corretora XP Investimentos foi condenada a pagar uma multa de mais de R$ 10 milhões por prejudicar clientes. A punição foi dada pelo BSM Supervisão de Mercados, órgão autorregulador da bolsa de valores.

De acordo com o portal JOTA, a condenação se refere ao uso de algoritmos que favoreciam a empresa em detrimento de seus clientes.

O valor final, no entanto, ainda não foi definido pela BSM Supervisão de Mercados. O montante será corrigido a partir da data da infração até o dia do pagamento.

Fundada por Guilherme Benchimol, a XP teria lucrado cerca de R$ 117 milhões de reais entre 2016 e 2018 ao atuar como contraparte dos investidores, intermediando as ordens enviadas e obtendo ganhos em seguida, de acordo com o site.

O processo administrativo disciplinar ainda não se tornou público. A decisão da BSM não prevê possibilidade de recorrer. A XP apenas pode solicitar esclarecimentos caso entenda que houve obscuridade.

No entanto, a corretora informou em nota que vai se conformar a decisão do órgão. “A decisão do Conselho de Supervisão da BSM, que por 5 votos a 3, optou por condenar a companhia e seu diretor-presidente ao pagamento de multa, será cumprida integralmente”, diz o posicionamento.

 

 

PUBLICIDADE