Publicado em 09/01/2018 às 10h30.

Crise faz bloco do É o Tchan! ficar de fora do Carnaval 2018

Produção do "Pagode Total", presente na quinta-feira do Circuito Osmar há 17 anos, emitiu nota esclarecendo a ausência neste ano

Luiz Felipe Fernandez
Reprodução/ Instagram
Reprodução/ Instagram

 

O bloco Pagode Total, vivo no carnaval de Salvador há 17 anos, comunicou nesta segunda-feira (8), que não irá desfilar em 2018.

Em nota publicada nas redes sociais, a produção alega que a “crise que atinge o país” refletiu na organização do bloco. Mesmo recebendo “apoio do Governo do Estado” através do projeto Ouro Negro, não foi o suficiente para viabilizar o desfile na quinta-feira de Carnaval, no Circuito Osmar.

O texto diz que o Pagode Total “sofre” com a carência de recursos necessários para despesas, como seguranças, cordeiros, trio, iluminação entre outros.

Nas redes sociais, os fãs lamentaram a ausência da banda na folia momesca. Um deles indagou: “Vixe, será que vai ter carnaval esse ano?”. Na nota, o Pagode Total que se junta à Ivete Sangalo na lista de ausências deste ano. Afirma também que espera poder retornar ao circuito em 2019.



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.