Publicado em 18/10/2018 às 15h40.

‘Eu quero experimentar esse puto’, diz ex-musa do Bahia sobre Bolsonaro

Carol Muniz ficou conhecida em 2014 após ter um vídeo íntimo vazado onde falava sobre a sua relação com Marco Polo Del Nero

Redação
Reprodução: Instagram/ Arquivo Pessoal
Reprodução: Instagram/ Arquivo Pessoal

 

A modelo Carol Muniz voltou a ser assunto nas redes sociais por conta de um vídeo, desta vez relacionado ao candidato à Presidência da República pelo PSL Jair Bolsonaro.

A ex-musa do Bahia surge aparentemente alterada em uma gravação e fala para um rapaz que queria ter um caso com o militar. “O Bolsonaro que você falou que era bobão? Eu não quero nada com ele amor, eu sou sua. Mas eu quero experimentar esse puto. Vou colocar ele aqui ó, com uma mão aqui e outra aqui (apontado para o sofá) e ele não precisa fazer nada, não precisa nem se mexer amor. Tem uns homens que eu quero experimentar que não precisam nem se mexer”

No vídeo a loira de 32 anos conversa com um outro rapaz que dispara para ela: “O bom é que você tem essa vontade, sacou vei? Você não reprime”. E a modelo responde: “Ah é só de dar e mandar ralar”.

Outro homem se mete na conversa e fala para Carol: “Odeio puta que não se assume”. A modelo então rebate: “Eu sou puta na cama, eu sou. Quem me dera se eu fosse menos puta”.

Para quem não se lembra a modelo Carol Muniz ficou conhecida em 2014 após ter um vídeo íntimo vazado onde falava sobre a sua relação com Marco Polo Del Nero, afastado da CBF por envolvimento em escândalos de corrupção.

Na ocasião a ex-musa do Bahia falava: “Não gosto de homem de academia, malhado, gosto de homem que eu admire. Ele é um cara muito inteligente. Não foi por dinheiro, foi pelo poder”.

A modelo afirma que o vídeo foi gravado por um jornalista esportivo da Rede Globo, pessoas ligadas a bela declararam que o autor das imagens tinha sido Thiago Asmar.

Em entrevista para a revista Sexy Carol comentou o caso e disse que não processou o autor da gravação. “Quando terminei meu relacionamento com o Marco Polo Del Nero, sai algumas vezes com esse jornalista. O vídeo foi gravado no hotel em que eu estava hospedada no Rio de Janeiro. Eu não percebi que ele estava gravando. E também não sei o que motivou ele a fazer isso. Foi uma atitude do mal. Eu sou forte e aguento a situação. Mas ele humilhou também a minha família”.



Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.