Publicado em 06/03/2016 às 19h33.

Falsas bandas que se apresentavam como ‘Vingadora’ são detidas

Com repertório e identidade visual semelhantes, grupos tocavam em S. Bernardo do Campo (SP) e S. Francisco de Itabapoana (RJ)

Redação
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Duas bandas que se apresentavam como A Vingadora, originária de Itabuna, no sul baiano, e sucesso no Carnaval de Salvador em 2016, foram identificadas neste fim de semana em cidades do interior de São Paulo e Rio de Janeiro. O primeiro caso, na madrugada de sábado (5), em São Bernardo do Campo (SP), culminou na prisão de dois produtores musicais suspeitos de vender shows de uma falsa banda como se fosse a original.

O conjunto se apresentava como “Rainha Vingadora” e utilizava figurino, repertório, gênero e material de divulgação semelhantes aos propagados pela trupe liderada por Tays Reys. A prisão foi realizada no Espaço RC Dance Music e os responsáveis irão responder pelo crime de estelionato. “Essa foi a primeira apresentação da banda se passando pelo grupo original. Agimos de forma rápida e assertiva. Estamos atentos e amparados pela lei para que possamos fazer esse tipo de operação em qualquer região do país”, disse o advogado da banda Leonardo Mascarenhas.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

O segundo episódio foi identificado na madrugada deste domingo (6), São Francisco de Itabapoana (RJ), onde um grupo chamado “Very Vingadora” tentava aplicar o mesmo golpe. A apresentação foi interrompida e os integrantes encaminhados à delegacia para prestar depoimento. De acordo com a denúncia, além de copiar o nome e a identidade visual do conjunto original, os acusados ainda tocam as músicas autorais da verdadeira Vingadora. Segundo Mascarenhas, os donos das casas de shows que contrataram as falsas atrações também serão indiciados por pirataria ou estelionato.