Publicado em 03/12/2020 às 22h20.

Larissa Manoela doa cadela adotada em ONG de Luisa Mell e ativista lamenta: ‘Triste’

Atriz rebateu as críticas e afirmou que a atitude tomada por ela foi um "ato de amor"

Redação
Foto: reprodução/Instagram
Foto: reprodução/Instagram

 

A ativista dos direitos dos animais, Luisa Mell, lamentou após a atriz Larissa Manoela doar a cadela que foi adotada na ONG da ex-apresentadora. Na quarta-feira (02), Luisa comentou o caso no Instagram e disse que tinha ficado “muito triste” ao saber que a cantora tinha dado a vira-lata, Vitória Regina, para outra pessoa dois anos após a adoção.

“Fiquei mais triste ainda por saber que ela tem outros cães, todos de raça, e apenas a vira-lata Vitoria foi doada. (…) Sinto que alguém que inspira tanta gente, que batalhou tanto na vida, trabalhando desde cedo para chegar aonde chegou, dê esse exemplo quando se trata de uma vida. Adotar um cãozinho deve ser sempre um ato de amor. Uma vida não pode ser tratada como um objeto”, escreveu.

Larissa rebateu as críticas e afirmou que a atitude tomada por ela foi um “ato de amor”. A atriz alegou que o animal começou a ficar deprimido e agressivo com os outros cachorros por não ter se adaptado a ficar longe de Larissa. A cantora afirmou ainda que a pessoa que adotou Vitoria é de “extrema confiança”.

“A Vitória Regina está com uma pessoa da minha extrema confiança, porque não se adaptou sem mim, com minha ausência. Ela começou a ficar muito tristinha, deprimida. Começou a brigar com outros cachorros e não tava comendo direito”, disse.

“Vi muitas pessoas dizendo que doei só porque é vira-lata. Tenho outros cachorros que são vira-latas e não faço distinção entre eles. Eu não abandonei a cachorrinha, nunca faria isso. Todo mundo sabe do meu amor pelos animais”, completou.

Mais notícias