Publicado em 01/06/2020 às 12h29.

Latino é acusado de dar calote de R$ 9 mil em hospital

A ação é referente a uma dívida do cantor de outubro de 2016

Redação
Reprodução: Instagram/ Arquivo Pessoal
Reprodução: Instagram/ Arquivo Pessoal

 

O cantor Latino está sendo processado por dar um calote de R$ 9 mil no hospital Albert Einstein, de São Paulo.

A instituição entrou com uma ação contra o artista por não ter feito o pagamento das despesas hospitalares realizadas em outubro de 2016.

O processo corre na 41ª Vara Cível do Fórum João Mendes Junior, da Comarca de São Paulo. Segundo a ação, Latino realizou exames laboratoriais e não teria usado o convênio, na época a consulta custou R$ 7 mil.

Segundo o jornal ‘Extra’, Latino ainda não foi encontrado para receber a notificação da Justiça. O cantor informou o endereço de São Paulo, mas atualmente mora no Rio de Janeiro.