Publicado em 10/07/2020 às 13h18.

Maria Zilda relembra como descobriu que Ary Fontoura era gay; Ele disse: ‘Sou viado’

Segundo a artista, aquele foi um momento especial pela naturalidade com a qual o ator tratou o assunto

Bianca Andrade
Foto: Instagram/ Arquivo Pessoal
Foto: Instagram/ Arquivo Pessoal

 

A atriz Maria Zilda relembrou sua parceria com o colega de profissão Ary Fontoura ao longo da carreira, e em live com a colega Elizângela no Instagram, entregou um dos momentos mais marcantes que viveu com o veterano, quando descobriu que ele era gay.

Segundo a artista, aquele foi um momento especial pela naturalidade com a qual o ator tratou o assunto.

“A primeira novela que eu fiz com o Ary foi em 1977, eu era partner dele. Ele era um cineasta clandestino e eu ajudante, já contei isso várias vezes aqui. Um dia a gente foi para sala de atores para passar o texto. E aí estávamos passando o texto e ele disse assim: ‘Eu sou viado’. Eu disse: ‘Quê?’. Ele: ‘Antes que digam para você, digo eu. Eu sou viado’. Cara, foi a coisa mais incrível que já ouvi na minha vida”, disse aos risos.

A sexualidade do ator de 87 anos, que recentemente bateu 1 milhão de seguidores nas redes sociais, nunca foi assunto na mídia. Ary viveu um dos primeiros personagens homossexuais na TV brasileira, o Rodolfo Augusto de “Assim na Terra como no Céu”, 1970.