Publicado em 28/05/2016 às 08h20.

Parque da Cidade volta a funcionar no próximo sábado

Programação completa ainda será divulgada; No entanto, já foi confirmado show gratuito do cantor Saulo no dia 5, às 11h

Redação

saulo

 

Após passar por reforma, o Parque da Cidade, localizado na região do Itaigara, em Salvador, será inaugurado com festa nos dias 04 e 05 de junho. A informação foi divulgada, nesta sexta-feira (27), pela assessoria de comunicação da Secretaria Cidade Sustentável (Secis), ligada à prefeitura. Uma coletiva de imprensa será realizada na próxima semana para detalhar a programação festiva e as atrações; no entanto, já foi confirmado show gratuito do cantor Saulo no dia 5 (domingo), às 11h.

As obras de reforma do espaço custaram R$ 14 milhões, dos quais R$ 5 milhões foram de investimento da Petrobrás, segundo a Secis. O parque ganhou mais 40 mil metros quadrados de áreas verdes e, conforme o órgão, terá segurança 24 horas por dia por meio da Guarda Municipal, que terá uma sede no local. A entrega da reforma teve atraso de um ano, de acordo com a Secis, devido a problemas com duas empresas responsáveis pela obra.

A reforma incluiu instalação e/ou reforma de equipamentos formados e novas praças no parque: praça de skate com aproximadamente 2.190 m², composta por uma Skate Plaza, um Bowl, um Snakerun e uma ladeira em asfalto, circuito de Slackline, praça Confúcio (local para relaxamento e meditação), Praça Pau-Brasil, Alameda do Ipês, Praça da Melhor Idade (com equipamentos de ginástica).

O Anfiteatro Dorival Caymmi foi totalmente reformado, com novo lance de arquibancadas, rampas de acesso com corrimãos, alargamento da entrada, reforma dos camarins, cercamento e banheiros. As obras de arte de Bel Borda e Gabriel Fonseca também foram reformadas.

O local também possui campos e quadras de futebol e voleibol, equipamentos de ginástica, circuito de MiniBike, paraciclos, Bike Pit Stop, praça infantil, castelinho e Xadrez Gigante. Os amantes de grafite terão a disposição um muro de 6×3 metros que servirá para a prática da arte.

Segundo a Secretaria Cidade Sustentável, o parque contará com o trabalho de ambulantes, que serão cadastrados pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop).

PUBLICIDADE