Publicado em 02/01/2017 às 15h15.

Saiba quais são os favoritos de Simone e Simaria

A dupla é responsável por sucessos como "Meu violão e o nosso cachorro" e "Quando o mel é bom", e conversou com o bahia.ba sobre suas indicações

Fernanda Lima
Foto: Robeto Viana/Ag.Haack/Bahia.ba
Foto: Robeto Viana/Ag.Haack/Bahia.ba

 

As irmãs Simone e Simaria fizeram apresentação durante o primeiro dia do Réveillon Salvador 2017. Em atividade desde 2012, a dupla é responsável por sucessos como “Meu violão e o nosso cachorro” e “Quando o mel é bom”, e conversou com o bahia.ba sobre suas indicações.

De pronto, Simone afirmou que não sabia o que indicar ao #QuemIndica. “Não tenho tempo para isso não. Acho que não tenho nada para indicar”, falou, e, logo depois, desviou a atenção para um fã que queria um registro. Simaria, no entanto, pensou bastante em suas sugestões.

No quesito livro, a irmã mais nova escolheu “O monge que vendeu sua ferrari”, obra de Robin Sharma. Primeiro grande sucesso do escritor, a trama gira em torno de Julian Mantle e John. Maior advogado do país, Mantle abandona sua vida profissional para seguir em peregrinação pela Índia. Enquanto isso, seu assistente, John, acha que ele enlouqueceu.

Três anos depois, Julian retorna da índia, com aparência mais jovem e radiante. John, típico homem moderno que busca a liberdade financeira, começa a se questionar como advogado ganancioso e arrogante se tornou um monge sábio e sereno. A conversa entre o novo mentor espiritual e seu antigo assistente é o fio condutor do livro.

“O vendedor de sonhos” foi o filme escolhido pela artista. Inspirado no livro de auto-ajuda de Augusto Cury, dirigido por Jayme Monjardim e estrelado por Dan Stulbach, o longa conta a história de Júlio César, um psicólogo decepcionado com sua vida que, ao tentar suicídio, é impedido por  um mendigo, o “Mestre”. A partir desde momento, uma amizade surge entre os dois e, logo, a dupla passa a tentar salvar outras pessoas através da apresentação de uma nova forma de vida.

Sobre seu álbum favorito, Simaria ficou confusa quanto ao título, mas soube dizer que era de Romeo Santos. O cantor estadunidense é ex-vocalista líder do grupo de bachata Aventura e foi uma figura-chave na popularização da bachata, com sucessos que chegaram no topo das paradas da Europa.

Apesar de dificuldade, Simaria disse que o álbum se chamava “king alguma coisa, dá uma pesquisada”. O artista, no entanto, possui três trabalhos com o termo. “The King Stays King: Sold Out at Madison Square Garden – Romeo Santos”, lançado em 2012, Kings of Bachata Ao Vivo, de 2006, e Kings of Bachata: Sold Out at Madison Square Garden, gravado em 2007.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.