Publicado em 03/07/2020 às 14h43.

Ao desistir do Campeonato Carioca, Rede Globo dá novos sinais de falta de interesse nos estaduais

Desde o início do ano, emissora mostra falta de interesse em transmitir os campeonatos estaduais

Raphael Minho
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

A viabilidade financeira dos campeonatos estaduais são sempre alvos de discussões entre torcedores, dirigentes de futebol e agora também da Rede Globo. Diante da relevância da Libertadores, Copa do Brasil e Eliminatórias, os estaduais já estavam significando perda de dinheiro e audiência para a emissora carioca.

O primeiro passo claro foi em janeiro com a desistência de transmitir o Campeonato Paranaense, que conta com quatro clubes nas séries A e B, além do Londrina recém rebaixado para a Série C, sendo um dos principais estaduais do país. Com isso, a recém instalada no Brasil, a plataforma de streaming Dazn, adquiriu os direitos de transmissão, depois que nenhum canal tradicional demonstrou interesse. Ainda no primeiro mês do ano, mesmo possuindo os direitos de transmissão e pagando as cotas aos clubes, a TV Globo ignorou algumas rodadas iniciais do Campeonato Paulista.

Agora, a briga com o Flamengo fez com que a emissora desistisse de transmitir o Campeonato Carioca. Mesmo garantindo o pagamento das verbas aos clubes, a Rede Globo já afirmou que não vai mais transmitir os jogos desta temporada. Com isso, entre os principais estaduais, restam ainda os campeonatos Baiano, Pernambucano, Catarinense, Gaúcho, Paulista e Mineiro.

A falta de interesse entre as emissoras de televisão pode colocar em xeque a permanência dos estaduais e intensificar as discussões. Se os grandes clubes já reclamavam da perda de dinheiro no primeiro semestre, o problema deve aumentar agora com a falta de visibilidade. Na outra ponta do cenário estão os clubes do interior, que sem grande poder de fogo para transmitir os seus jogos na internet, correm sério risco de deixarem de existir.