Publicado em 10/07/2020 às 15h40.

Apenas seis de 16 clubes do Campeonato Paulista podem jogar em suas cidades

Revisão do plano de retomada do governo local liberou partidas na capital, Grande SP e Baixada Santista

Redação
Foto: Alexandre Battibugli/divulgação FPF
Foto: Alexandre Battibugli/divulgação FPF

 

A revisão de etapas do plano de retomada do governo de São Paulo, efetuada nesta sexta-feira (10), autoriza jogos de futebol na capital, na maior parte da Grande São Paulo e Baixada Santista. Com isso, sete clubes do Campeonato Paulista estão autorizados a jogar em suas cidades: São Paulo, Palmeiras, Corinthians – da cidade de São Paulo -, Santos, Oeste (Barueri), Água Santa (Diadema) e Santo André. As informações são da Agência Brasil.

Dono da melhor campanha do torneio, o Ramalhão não poderá jogar em Santo André, pois o estádio Bruno José Daniel é hospital de campanha para Covid-19. Bragantino, Ferroviária, Mirassol, Inter de Limeira, Ituano, Novorizontino, Guarani, Ponte Preta e Botafogo de Ribeirão Preto estão em municípios inseridos nas fases vermelha e amarela.

Pelas regras da Federação Paulista de Futebol (FPF), apenas cidades na fase amarela podem sediar jogos – todos sem público. Como a próxima revisão ocorre no dia 24 e a primeira rodada está programada para o dia 22, estes nove times precisam procurar onde vão jogar.

“A situação de cada cidade e região é mutante. Pode piorar, mas também pode melhorar. Mais próximo das datas dos jogos, vamos mapear os locais possíveis e aí vamos organizar seguindo o que foi acordado”, disse, na última quarta, o presidente da FPF, Reinaldo Carneiro Bastos.