Publicado em 12/11/2015 às 09h36.

Platini fica de fora da eleição presidencial da Fifa

Cinco candidatos foram aceitos pela organização e dois ficaram de fora

Reuters

A Fifa informou, nesta quinta-feira (12), que aceitou cinco candidatos à presidência da organização para a eleição de 26 de fevereiro.

Em comunicado, a organização, sediada em Zurique, informou que os candidatos são: príncipe Ali Al Hussein, xeique Salman Bin Ebrahim Al Khalifa, Jérôme Champagne, Gianni Infantino e Tokyo Sexwale.

Dos sete possíveis candidatos nomeados no mês passado, Michel Platini e Musa Hassan Bility não foram aceitos. A decisão pode ser alvo de recurso na Corte Arbitral do Esporte.

Uma investigação do comitê de ética da Fifa apontou relatos de pagamento equivalente a 2 milhões de dólares, da Fifa para Platini, em 2011, nove anos depois de ter concluído um período de trabalho para Blatter como conselheiro.

PUBLICIDADE