Publicado em 17/09/2019 às 13h27.

‘Ele não é um político’, diz Nicolás Maduro sobre Bolsonaro

"Quem diz que a Venezuela é ditadura é um estúpido", dispara líder sul-americano

Redação
Foto: Elza Fiúza/ABr
Foto: Elza Fiúza/ABr

 

O líder venezuelano Nicolás Maduro questionou o elogio de Jair Bolsonaro (PSL) ao ex-ditador chileno Augusto Pinochet —considerado por ele “o Hitler sul-americano”—, e o rebateu sobre a acusação de ser um ditador. “Quem diz que a Venezuela é ditadura é um estúpido”, disparou Maduro, em uma entrevista concedida a jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.

Na entrevista divulgada nesta terça (17), Nicolás também afirmou que Bolsonaro não é político, e que seu governo não respeita a diversidade do seu país. “Ele não é um político. Lamentavelmente, à frente de muitos governos da América do Sul não há políticos com ‘p’ maiúsculo, com doutrina, que saibam respeitar a diversidade”.

Em outra parte da entrevista, defendeu que a prisão do ex-presidente Lula foi um processo armado. “No caso de Lula, é um processo arranjado, que foi manipulado contra um homem da honorabilidade, da estatura de estadista de Lula da Silva”, disse Maduro.

PUBLICIDADE