Publicado em 30/01/2020 às 08h05.

Petistas voltam a reclamar de indefinição e temem crescimento de Herzem

O PT governou a cidade por 24 anos e foi desbancado pele emedebista na eleição de 2016

Matheus Morais
Foto: Reprodução/ Bahia na Política
Foto: Reprodução/ Bahia na Política

 

O PT ainda não definiu quem será seu pré-candidato a prefeito na cidade de Vitória da Conquista, no Sudoeste da Bahia. Disputam internamente o posto, o deputado estadual Zé Raimundo e o deputado federal Waldenor Pereira.

Petistas da região temem que a demora favoreça a reeleição do prefeito Herzem Gusmão (MDB). a legenda governou a cidade por 24 anos e foi desbancado pele emedebista na eleição de 2016.

Um interlocutor, que preferiu não se identificar, voltou a cobrar celeridade na definição. “Não dá para esperar. ou vai ser um ou vai ser outro, mas fica na indecisão, o que só favorece a oposição. O PT não tem a prefeitura, mas age como se tivesse”, criticou ao bahia.ba.

O nome do ex-prefeito Guilherme Menezes era o favorito da direção estadual do partido para disputar o pleito, mas ele não deve participar da eleição.

O bahia.ba apurou que uma das estratégias de Gusmão é entregar o maior número de obras possíveis até se afastar da prefeitura para disputar a reeleição.

PUBLICIDADE