Publicado em 16/01/2017 às 14h46.

Preso em delegacia mantém perfil ativo no Facebook

Perfil foi excluído por volta das 14h desta segunda-feira; detento fez diversas postagens nos últimos meses e, no último fim de semana, compartilhou fotos e vídeos de rebelião

Redação
Foto: Reprodução/ Facebook
Foto: Reprodução/ Facebook

 

Presos da delegacia de Itamaraju, no sul da Bahia, postaram nas redes sociais fotos e vídeos do motim ocorrido na unidade, no último sábado (14). Em um dos vídeos (veja abaixo), um homem é feito refém pelos presos, que carregam barras de ferro, facas improvisadas e ferramentas.

Um deles manda um recado à polícia: “Se invadir na maldade, ele vai morrer. Entra no sapatinho, vamos negociar. Nós só quer (sic) a melhoria da gente, nós queremos ser transferidos pro presídio, porque o preso passou mal aqui e vocês não atenderam”.

Em outro registro feito pelos presos, um homem grita: “É o crime. É o crime. Bota a cara, disgraça. Cadeinha de Itamaraju foi pro chão (sic)”.

Foto: Reprodução/ Facebook
Foto: Reprodução/ Facebook

 

Muitos vídeos e imagens foram postados pelo usuário Marlon Blak Dii, cujo perfil foi apagado por volta das 14h desta segunda-feira (16). Na apresentação, Marlon se define como “menor mete bala”. Mesmo detido, ele fez diversas postagens nos últimos meses, antes da rebelião no último sábado. Alguns comentários dos seus amigos pediam: “Solta os irmãos, seu juiz”. Após a rebelião, treze presos foram transferidos para o Conjunto Penal de Teixeira de Freitas.

Foto: Reprodução/ Facebook
Foto: Reprodução/ Facebook

 

Confira o vídeo abaixo:

PUBLICIDADE