Publicado em 11/08/2019 às 08h30.

Alcolumbre trabalha para reduzir risco de derrota de Eduardo Bolsonaro no Senado

Presidente da Casa teme que veto ao filho do presidente Jair Bolsonaor fecharia para sempre as portas de sua administração junto ao Planalto

Redação
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

 

Presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) tem trabalhado para minimizar ao máximo as chances de uma derrota de Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) em votação do plenário da Casa. O democrata é também peça-chave na articulação para fazer o filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) embaixador em Washington (EUA).

De acordo com informações obtidas pela Folha de S. Paulo, divulgada neste domingo (11) pela coluna Painel, Alcolumbre tem dito que um veto a Eduardo fecharia para sempre as portas de sua administração junto ao Planalto..

Nas últimas semanas, Bolsonaro fez uma série de gestos ao presidente do Senado e aos parlamentares. Destravou a indicação de cargos e prestigiou dirigentes de partidos que têm assento na Casa. Alcolumbre, por sua vez, tem dito que vai dividir com os colegas as vagas que puder indicar.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.