Publicado em 08/12/2019 às 20h00.

Avaliação de Bolsonaro sobe na economia e cai no combate à corrupção, diz Datafolha

Gestão na área econômica é aprovada por 25%, enquanto 29% aprovam trabalho anticorrupção; índice era de 34% em agosto

Redação
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

 

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) conseguiu melhorar nos últimos meses a avaliação sobre sua gestão na economia, mas viu uma piora na percepção sobre como o governo atua no combate à corrupção, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada neste domingo (8) pelo jornal Folha de S. Paulo.

O levantamento, feito entre quinta-feira (5) e sexta-feira (6), aponta que 25% dos entrevistados consideram a atuação do governo ótima ou boa na área econômica, ante 20% que tinham essa avaliação na pesquisa feita no fim de agosto.

Foram ouvidas 2.948 pessoas em 176 municípios em todo o país. A margem de erro da pesquisa Datafolha é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%.

A má notícia para o presidente está ligada à avaliação de iniciativas de combate à corrupção.

Consideram ruim ou péssima a administração nessa área 50% dos entrevistados, ante 44% na pesquisa de agosto.

Atingiram o governo episódios como a investigação sobre o senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente, que ficou paralisada por decisão do Supremo Tribunal Federal, e o caso dos laranjas do PSL, revelado pela Folha, que consistia em um esquema de desvio de dinheiro público por meio de candidaturas de fachada.

PUBLICIDADE