Publicado em 03/10/2016 às 09h00.

Colombianos rejeitam acordo de paz entre governo e as Farc

O resultado surpreendeu, uma vez que as pesquisas feitas antes do referendo, os resultados apontaram para uma vitória do "sim"

Ana Lucia Andrade
Foto Luis Prado
Foto Luis Prado

 

Em votação apertada, o acordo de paz realizado entre a Colômbia e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) foi rejeitado neste domingo (2) em um referendo nacional que resultou em 50,2% dos votos optando pelo “não”, com 99,5% dos votos apurados. Os que apoiam totalizaram 49,8%, uma diferença de menos de 52 mil votos.

O resultado surpreendeu, uma vez que as pesquisas feitas antes do referendo, os resultados apontaram para uma vitória do “sim” com uma margem de quase dois para um.

Entre os pontos do acordo, as Farc teriam que devolver as armas e em troca, o grupo lançaria um partido até maio de 2017, com o qual poderiam disputar as próximas eleições legislativas e presidenciais, em 2018, além do benefício de ter 10 cadeiras no Congresso, a partir de 2022.

Fonte: Dow Jones Newswires e Associated Press