Publicado em 15/09/2020 às 06h49.

Convenções partidárias têm aglomerações e falta de prevenção ao coronavírus

Senador Fernando Collor (PROS-AL), por exemplo, divulgou vídeo cumprimentando pessoas, inclusive sem máscaras, com apertos de mãos

Redação
Foto: Reprodução/Twitter
Foto: Reprodução/Twitter

 

Com o novo coronavírus ainda registrando milhares de mortes diariamente, políticos têm provocado aglomerações ao redor do país com suas convenções partidárias.

Descuido com as recomendações de saúde e de distanciamento foram registradas e até compartilhadas nas redes sociais, nos eventos realizados com dezenas de pessoas que lotaram locais públicos e fechados.

O senador Fernando Collor (PROS-AL), por exemplo, divulgou vídeo em que chega a um local fechado em Porto Calvo, onde se reúne e é festejado por eleitores. Nas imagens é possível ver que ele sai cumprimentando os presentes com apertos de mãos, alguns deles inclusive sem máscaras.

Situações semelhantes foram registradas em Brasília, Rio Grande do Norte, Maranhão, Pernambuco, Pará e Amazonas. As convenções partidárias acontecem até a próxima quarta-feira (16). Com informações do portal UOL.

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.