Publicado em 28/03/2016 às 07h00.

Depois da Fifa, Suíça cria força-tarefa para investigar Petrobras

Os procuradores suíços esperam que o caso enfatize a estratégia de combate a crimes econômicos e financeiros

Redação
Foto: Divulgação Petrobras
Foto: Divulgação Petrobras

 

Depois de desmantelar o esquema de corrupção na Fifa, a força-tarefa da Suíça está com uma nova prioridade no momento: o escândalo da Petrobras. De acordo com a coluna Painel, da Folha de S.Paulo, os procuradores suíços esperam que o caso enfatize a estratégia de combate a crimes econômicos e financeiros — bandeira eleita como marca da atual gestão do Ministério Público do país.

Em dezembro de 2015, o Ministério da Justiça e polícia da Suíça congelaram vários milhões de francos suíços depositados em entidades helvécias, como parte das investigações de corrupção na Fifa.

Temas: Petrobras , Suíça

Este site armazena cookies para coletar informações e melhorar sua experiência de navegação. Gerencie seus cookies ou consulte nossa política.