Publicado em 24/08/2019 às 19h00.

Discurso de Bolsonaro sobre Amazônia passa ideia de apoio ao desmatamento, diz Maia

Presidente da Câmara afirmou, no entanto, que não crê que o governo dê “qualquer incentivo a esses criminosos”

Redação
Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

 

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), afirmou neste sábado (24), em Vitória (ES), que o presidente Jair Bolsonaro mudou o discurso que vinha fazendo sobre a crise ambiental no país ao afirmar tolerância zero às queimadas na Amazônia. 

Maia avaliou que o discurso “radical” do presidente pode ter passado a ideia de apoio ao desmatamento, mas afirmou não crer que o governo dê “qualquer incentivo a esses criminosos”.

“Uma verbalização malfeita pode gerar grandes crises. Quando vocaliza polemizando no tema, qual impressão dá? Que há alguma tipo de apoio. Acho que o o presidente certamente percebeu isso e ontem fez um discurso reafirmando a tolerância zero. E tem que ser mesmo”, disse.

A declaração foi feita durante o Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), que acontece no Palácio Anchieta, sede do Governo do Espírito Santo, onde se reuniram governadores das duas regiões para discutir sobre investimentos nos estados brasileiros.

PUBLICIDADE